Luciana Genro

Resistência em Nova York: prefeito Bill de Blasio se opõe às políticas de Trump

09 de junho de 2017 17h08

Bill de Blasio, prefeito de Nova York (à direita) participa de painel sobre mídia e governo Trump no Northside Report.

Por Luciana Genro

Painel com o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, no Northside Report. Filiado ao Partido Democrata, Bill de Blasio governa a maior cidade dos Estados Unidos desde 2014 e é um dos principais políticos na linha de frente da oposição a Trump. O governo de Nova York se opôs frontalmente à política de ataques aos direitos de imigrantes e refugiados que Trump tentou implantar, sendo barrado por decisões da Justiça.

Andando no metrô e em outros espaços da cidade, pude ver uma série de campanhas publicitárias da prefeitura voltadas à garantia de direitos e à proteção das minorias, dos imigrantes e dos refugiados. Mesmo em uma cidade como Nova York, espinha dorsal do sistema capitalista, existe resistência. Na conferência, Bill de Blasio fez fortes críticas à mídia e ao governo Trump. O prefeito foi certeiro ao dizer que Trump é hipócrita em suas críticas à imprensa. Qualquer notícia negativa sobre seu governo é tratada pelo presidente como “fake news”. Mas, como bem lembrou Bill de Blasio, Trump representa justamente os bilionários que comandam a mídia nos Estados Unidos!

É verdade que o sistema bipartidário dos Estados Unidos funciona como um escudo para impedir que surjam alternativas reais de mudança. Mas o imponderável às vezes se impõe, pois nem tudo está sob o controle das elites o tempo inteiro. Foi assim na campanha presidencial, onde Bernie Sanders representou a esperança de uma nova alternativa, revolvendo as próprias estruturas viciadas do Partido Democrata. É assim agora, com um prefeito como Bill de Blasio no governo de uma das principais metrópoles do mundo, representando uma política oposta à que Trump vem aplicando no país.