Luciana Genro

Juíza ordena condução coercitiva de secretário de segurança do RS

09 de fevereiro de 2018 15h39
 Por Luciana Genro

A política de segurança do PMDB não garante segurança a ninguém. Nem respeita as leis. Tanto é que, de acordo com notícia publicada no site Sul21 (https://goo.gl/tiLMKP), o secretário estadual de Segurança Pública, Cezar Schirmer, será conduzido coercitivamente para lavrar um termo em que ele reconhece estar descumprindo uma determinação judicial. A ordem veio da juíza Sonáli Zluhan, da Vara de Execuções Criminais de Porto Alegre. Ela percebeu que o governo estava descumprindo a determinação de transferir os presos do Centro de Triagem após cinco dias de detenção. Trata-se de um espaço sem as menores condições para abrigar os detentos, que estavam ficando lá por meses.

A política de segurança do PMDB é a promoção de masmorras que apenas alimentam o poder das distintas facções do crime. É claro que, em termos de organização criminosa, nada mais forte do que a quadrilha que está no Palácio do Planalto, comandada pelos líderes nacionais do PMDB, a começar por Temer e Eliseu Padilha.