Luciana Genro 50

Retrospectiva: O #ForaCunha tomou as ruas!

28 de dezembro de 2015 14h32
Atos pelo #ForaCunha se multiplicaram pelo Brasil em 2015 (na foto, manifestação em Porto Alegre no dia 27 de outubro)

Atos pelo #ForaCunha se multiplicaram pelo Brasil em 2015 (na foto, manifestação em Porto Alegre no dia 27 de outubro)

Redação #Equipe50

Foi em 2015 que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), ficou eternizado como o rosto mais cínico e expressivo da politicagem e da corrupção no Brasil. Após chegar ao comando da Câmara mediante uma relação clientelista com os demais parlamentares, Cunha deu início a uma ofensiva ultraconservadora, colocando em pauta a tramitação e projetos que retiram direitos das mulheres e da população LGBT.

Cunha é tão cara de pau que mentiu na CPI da Petrobras ao dizer que não possuía contas em bancos no exterior. Sua mentira deslavada, dita em março, durou pouco: em outubro, em resposta a um pedido de informações do PSOL, o Ministério Público Federal confirmou que as autoridades da Suíça comprovaram a existência de contas em nome de Cunha e de seus familiares em bancos do país.

– “Estamos apenas começando”, diz Luciana Genro em ato pelo #ForaCunha em Porto Alegre
– Contra Cunha e Temer, por eleições gerais em 2016
– Decisão do STF foi uma derrota de Cunha

A bancada do PSOL no Congresso, com apenas cinco deputados federais, tem sido protagonista na luta pelo #ForaCunha. Nosso líder Chico Alencar trava diariamente o combate político contra um deputado que não tem a menor condição de continuar presidindo o Legislativo brasileiro.

– Veja aqui nossa retrospectiva completa!