Luciana Genro

Presunção de Inocência

14 de outubro de 2012 22h03

Respeitáveis advogados e juristas tem manifestado a preocupação de que a condenação de José Dirceu viola o princípio da presunção da inocência, gerando um precedente perigoso. Mas alguém em sã consciência acha mesmo que o mensalão não existiu e/ou que o Zé Dirceu não teve responsabilidades elevadas no episódio? Eu fui expulsa do PT por me recusar a votar a Reforma da Previdência – a mesma que foi

objeto da “compra” de votos. E quem comandou a minha expulsão foi o Dirceu, e quem executou foi o Delúbio , o Sílvio Pereira, com a anuência do Genoíno. Conheço muito de perto todo este episódio da história.
Se o Supremo não fosse composto por uma maioria de Ministros nomeada pelo Lula/ Dilma a suspeita de um perseguição política seria legítima. Mas não é o caso. Ou alguém acha mesmo que há um complô dos Ministros do STF nomeados pelo PT contra o próprio PT?
Sou totalmente contra a flexibilização de garantias, sei bem que a corda sempre arrebenta do lado mais fraco. E tenho lutado há anos pelo empoderamento dos setores populares. Mas a luta por este empoderamento não vai sair fortalecida se a impunidade continuar reinando, e as quadrilhas partidárias continuarem agindo livremente, capturando a política para longe do poder e das decisões populares!