Luciana Genro

Jornal Agora, 10 de setembro de 2010

10 de setembro de 2010 06h23

Luciana Genro visita Rio Grande

Não adianta fazer promessa se continuar a roubalheira, resumiu a candidata do PSOL. Foto: Fábio Dutra

Acompanhada pelos candidatos a deputado federal, Paulo Mano, e deputado estadual, Jurandir Silva, entre outros representantes locais do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), a deputada federal Luciana Genro esteve ontem em Rio Grande participando de atividades de campanha. A candidata à bancada federal foi deputada estadual por dois mandatos e hoje exerce seu segundo mandato como deputada federal.

Pela manhã, Luciana participou de panfletagens no calçadão da cidade, na oportunidade contou que encontrou muitos eleitores e conversou com alguns demitidos do Plano de Demissão Voluntária (PDV). No começo da tarde, a candidata visitou o Jornal Agora, onde apresentou algumas propostas de governo. Sobretudo, informou que pretende continuar na luta pelo fim da corrupção, cumprindo a função, que compete ao cargo, de fiscalizar o governo, já que “os recursos que faltam, são os recursos que estão sendo desviados, então não adianta fazer promessa se continuar a roubalheira”, disse.

Conhecida por participar recentemente de denúncias de corrupção e crimes eleitorais, Luciana afirmou que há um grande descrédito da política em geral. “Muitos acham que político nenhum presta, alguns já veem que tem políticos que atuam para defender ideais e não só para fazer política”, constatou. Nesse sentido, a deputada contou que recebeu diversas manifestações de reconhecimento pelo seu trabalho no centro do Rio Grande, cidade em que recebeu mais de 3 mil votos nas últimas eleições. Luciana falou, por fim, que as principais demandas da população em todas as regiões do Estado são por emprego, saúde e educação pública.

O rio-grandino Paulo Mano, que também concorre à bancada federal, disse que as suas principais lutas direcionadas à cidade do Rio Grande são contra algumas imposições da Prefeitura, como a implantação de um aterro sanitário na cidade e o atual momento do transporte coletivo. Mano também informou que pretende ser atuante pela regulamentação dos terrenos do bairro Hidráulica, onde reside. Por fim, o candidato disse que outro anseio de seu mandato será por investimentos mais expressivos destinados aos servidores da Corsan.

Já o candidato a deputado estadual, Jurandir Silva, natural de Pelotas, constatou que o Polo Naval trouxe muito pessoal de fora para trabalhar em Rio Grande, tirando a oportunidade dos trabalhadores locais. “Observei que há muito mais propaganda do que prospera a situação real”, concluiu.

Também estava prevista a visita dos candidatos na Universidade Federal do Rio Grande (Furg), antes de seguirem em campanha pela vizinha Pelotas.