Luciana Genro

Correio do Povo, 6 de agosto de 2010

06 de agosto de 2010 08h59

Candidatos se enfrentam no primeiro debate na TV

A possibilidade de perguntas entre os quatro principais candidatos à Presidência, Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB), Marina Silva (PV) e Plínio de Arruda Sampaio (PSol), possibilitou que os candidatos se enfrentassem diretamente ontem à noite, na TV Bandeirantes. Serra foi o primeiro a deixar de lado as gentilezas e atacou Dilma afirmando que as Apaes, em Minas Gerais, que recebem recursos da União, deixaram de receber as verbas e estão em dificuldades.

Na réplica, Dilma não disse que não é verdade e Serra, na tréplica, mandou a ex-ministra se reunir com assessores e tomar conhecimento do que está acontecendo.

Dilma, líder das pesquisas, evitou entrar em conflito com adversários e tentou passar a imagem de boa administradora. Apresentou propostas e defendeu o governo Lula. Marina manteve o discurso ameno do início ao fim, ora se aproximando do candidato tucano ora da petista. Falou em integrar conquistas sociais, disse que elas evoluíram e é preciso preservar estas políticas. Plínio, no entanto, foi quem mais pressionou os adversários afirmando que eles são parecidos e têm propostas idênticas. Franco atirador, propôs distribuição de renda e ataque real à pobreza e às desigualdades.