Luciana Genro

Anistiados punidos e verdadeiros réus sem julgamento

18 de agosto de 2010 14h23

Hoje falei no Seminário Latino-Americano de Anistia e Direitos Humanos, em painel sobre a decisão do Tribunal de Contas União de rever as indenizações aos anistiados. Disse que essa decisão tomada de forma generalizada é uma tentativa de intimidar a luta contra a impunidade dos torturadores. Colocar no banco dos réus os anistiados quando os verdadeiros réus nunca foram julgados é um escândalo inaceitável.