Luciana Genro

Correio do Povo, 3 de julho de 2010

03 de julho de 2010 08h29

PSol registra nominata às eleições

Pedro Ruas (D) disse que o partido atingiu o percentual de mulheres exigido pelo TSE Crédito: tarsila pereira

O PSol foi o primeiro partido a entregar a nominata de candidatos às eleições de 2010 ao Tribunal Regional Eleitoral. O candidato da sigla ao Piratini, Pedro Ruas, acompanhado da deputada federal Luciana Genro e do presidente da sigla no Estado, Roberto Robaina, protocolou ontem à tarde a lista contendo os nomes dos 84 candidatos da legenda ao pleito de outubro. Segundo o documento, 40 nomes disputarão vaga na Câmara Federal e 38 ao Legislativo. O partido terá ainda dois candidatos ao Senado.

Conforme Ruas, a nominata feminina ultrapassou a quota exigida pela Justiça Eleitoral, cujo percentual é de 30%. “Somamos o total de 50% de mulheres para a eleição majoritária e 30% para a proporcional”, informou ele, que tem como candidata a vice-governador na sua chapa uma mulher, Marliane dos Santos. O vereador salientou que sua campanha será baseada no trabalho de simpatizantes, sem que esteja refém de doações milionárias.

PSol terá cinco comitês na Capital

Os correligionários de Pedro Ruas (PSol), candidato ao Piratini, definiram a instalação de cinco comitês na Capital, quatro deles já confirmados nas avenidas João Pessoa, Azenha, Baltazar de Oliveira Garcia e na Rua da República. A quinta sede deverá ficar no bairro Restinga. Mas só uma estará funcionando esta semana. A vereadora Fernanda Melchionna (PSol), coordenadora da campanha, diz que serão necessárias mais duas semanas para os comitês entrarem em funcionamento. “Estamos prontos na República, mas na Restinga ainda deve demorar.” No Interior e na Região Metropolitana, haverá 25 comitês vinculados aos candidatos da sigla à Assembleia e à Câmara. As estruturas de Viamão, Canoas e Pelotas deverão ser as mais robustas.