Luciana Genro

Correio do Povo, 29 de maio de 2010

29 de maio de 2010 08h45

Prioridade de Plínio é a reforma agrária

Candidato do PSol à Presidência visita RS Crédito: ricardo giusti

O assentamento de 6 milhões de famílias no campo é uma das metas do pré-candidato do PSol à Presidência, Plínio de Arruda Sampaio, que esteve ontem em Porto Alegre. Acompanhado pelos vereadores da Capital Fernanda Melchionna e Pedro Ruas, pré-candidato da sigla ao governo do Estado, Plínio visitou o Correio do Povo, conversou com pacientes do posto de saúde da vila Cruzeiro e discutiu o plano de governo com correligionários gaúchos.

Ele pretende apresentar uma proposta de reforma agrária nos moldes da que foi elaborada em 1964, antes do golpe militar, no governo do presidente João Goulart. “Fui o relator do projeto à época. Queremos reapresentá-lo agora.” O objetivo é desapropriar terras com mais de 500 hectares, produtivas ou não. Plínio defendeu ainda a aplicação de impostos progressivos, sobretudo, aos mais ricos.