Luciana Genro

Tava demorando!

13 de abril de 2010 08h56

A surpresa não foi realmente o fato de Arruda ter sido solto, mas sim o fato dele ter ficado na cadeia por dois meses. Era isso que todos comentavam ontem, ao saber que o ex-governador do DF havia conseguido a liberdade. Essa conclusão, verdeira, é o retrato da falta de credibilidade da Justiça, e do sentimento de impunidade que reina no país. Arruda não estava preso por que roubou, mas por que tentou obstruir a investigação. Mas se ele estava obstruindo a investigação, isso não é uma espécie de confissão? Afinal, se alguém é acusado injustamente tem o maior interesse na investigação. Mas esse tipo de raciocínio passa ao largo do nosso Poder Judiciário. A verdade é que a Justiça só é dura para quem não tem advogados pagos a peso de ouro. Mas Arruda tem e por isso só foi preso pelo clamor popular. Clamor popular, leia-se indignação e algum grau de mobilização. Agora que ambos arrefeceram ele conseguiu sair da cadeia. Será que vai voltar?