Luciana Genro

Luciana ressalta importância do projeto das 30h para enfermagem

24 de março de 2010 14h35

Sr. presidente, sras. e srs. deputados,

Em primeiro lugar, quero saudar os profissionais de enfermagem que se encontram aqui no nosso Plenário e, mais uma vez, ressaltar  a importância da votação do projeto das 30 horas para a enfermagem.

Neste Mês da Mulher — muitos profissionais da enfermagem são homens, mas a imensa maioria é mulher —, eu não vejo homenagem maior que nós poderíamos fazer a essas mulheres trabalhadoras que vivem as agruras da saúde pública em nosso país, que sofrem nos hospitais com o dilema da falta de estrutura para dar um atendimento mais qualificado aos pacientes, que trabalham — muitas vezes madrugadas — dias sem repouso ou com pouquíssimo descanso e que merecem por isso não só o nosso reconhecimento, mas também uma legislação que assegure uma jornada de trabalho compatível com o seu enorme esforço físico e psicológico.

As 30 horas são muito mais do que merecidas, são necessárias não só para a manutenção da saúde dos profissionais da enfermagem, como também para um melhor atendimento aos pacientes, que, sabemos nós, têm nos profissionais da enfermagem a grande parte do seu atendimento, já que os médicos comparecem e atendem aos pacientes com uma frequência muito menor do que os enfermeiros e enfermeiras — e os auxiliares, evidentemente —, que estão cotidianamente atendendo aos pacientes.

Então, eu gostaria de mais uma vez ressaltar que houve o acordo do conjunto do Colégio de Líderes para que o projeto seja incluído na pauta, mas é necessário também o acordo para que seja votado.

A bancada do PSOL apoia essa luta. Queremos, então, que o conjunto dos líderes que aceitaram o ingresso do projeto na pauta também se manifestem favoravelmente a que possamos efetivamente votar esse projeto, que já aguarda a votação há muito tempo e tramita desde o ano 2000.

Muito obrigada,

Luciana Genro