Luciana Genro

Fim do sigilo só para os deputados é absurdo

07 de agosto de 2009 15h46

A juíza Simone Fortes, responsável pelo inquérito contra a governadora, decidiu franquear acesso ao processo apenas aos deputados estaduais, sem acabar com o sigilo do processo. Considero lamentável que a população não possa saber oficialmente o conteúdo do processo. A questão é que esse maldito sigilo está servindo de desculpa para os que querem segurar Yeda, alegando que não sabem qual a gravidade das acusações que pesam sobre ela. Como assim? Agora não é o PSOL, nem o vice-governador, nem um ex- aliado, é o Ministério Público, através de 6 procuradores, que pediu o AFASTAMENTO da governadora! Evidente que isso significa que as acusações são gravíssimas e a necessidade de iniciar o processo de impeachment. Assim, ela seria imediatamente afastada, até a conclusão do processo, durante o qual ela teria ainda todas as oportunidades de se defender, ou de renunciar, o que seria bem melhor para o povo gaúcho!