Luciana Genro

Folha de S. Paulo, 6 de julho de 2009

06 de julho de 2009 18h46

PSOL coleta assinaturas pela saída de Sarney; Twitter organiza novos protestos

A campanha pelo afastamento de José Sarney (PMDB-AP) da presidência do Senado continua na internet. O perfil Fora Sarney no Twitter (microblog) programou para esta semana dois protestos: um em Brasília e outro em São Paulo.

Em Brasília, o protesto está programado para as 18h de quarta-feira em frente ao Congresso Nacional. Em São Paulo, o protesto está previsto para as 14h de sábado em frente ao Masp, na avenida Paulista (região central).

Hoje, o PSOL colhe assinaturas na praça Antonio Prado (região central) em apoio ao movimento Fora Sarney e pela instalação de uma CPI para investigar a corrupção no Senado.

O PSOL entrou com uma representação no Conselho de Ética do Senado contra José Sarney e Renan Calheiros (PMDB-AL).

A pressão pela saída de Sarney aumentou depois da descoberta que seu neto é dono de uma empresa que negocia contratos de empréstimos consignados com funcionários do Senado. Vários parentes de Sarney foram empregados em gabinetes de outros senadores por meio de nomeações em atos secretos.