Luciana Genro

Taline Oppitz, Correio do Povo, 18 de maio de 2009

18 de maio de 2009 16h23

Provocando reação

Decepcionada por ainda não ter sido processada por Yeda, a deputada Luciana Genro, do PSol, foi provocativa no fim de semana. Em entrevista à Rádio Guaíba, disse, sem medir as palavras e claramente apelando por uma ação judicial, que ‘a governadora e seu marido constituíram verdadeira gangue que tomou conta do Piratini’.

Cobrança anunciada

Aliados terão de estar preparados para a sessão plenária de amanhã na Assembleia. A decisão de Yeda de não ingressar judicialmente contra Luciana, Pedro Ruas e Roberto Robaina, do PSol, será cobrada pelos adversários.