| Funcionalismo | Notícias | Serviço Público

Um grupo de professoras e educadores entregou à deputada Luciana Genro (PSOL) um manifesto com 7 mil assinaturas contra o projeto do governo Leite!

No manifesto, assinado também pelas educadoras e educadores aposentados e também pela direção do CPERS/Sindicato, esta categoria tão maltratada pelo poder público reforça o repúdio à retirada de direitos pretendidos pelo governador do plano de carreira e da aposentadoria dos servidores públicos.

Em toda a trajetória de décadas de luta por seus direitos, os professores nunca se sentiram tão atacados, empobrecidos e sem dignidade como neste momento, há 50 meses com salários parcelados e tendo que pagar a conta da crise mesmo com muitos ganhando pouco mais de um salário mínimo. Que lógica é esta, governador?

É preciso tirar dos que ganham e sonegam bilhões e não do funcionalismo público, que tenta, mesmo em condições precárias de trabalho, garantir uma educação decente e transformadora para a população gaúcha. Sigam contando com meu apoio! Meu voto é NÃO a este pacote da morte do serviço público!

Jamais vou votar contra os servidores públicos!

Muitos professores, professoras, brigadianos e outros servidores públicos têm me procurado para pedir meu apoio contra o projeto do governador Eduardo Leite que ataca a carreira e a aposentadoria dos servidores. Quem conhece minha atuação política já sabe: eu jamais vou dar meu voto contra os servidores públicos e contra os trabalhadores. Leite quer tirar direitos de servidores que já estão com seus salários parcelados. Nós não vamos permitir que isso aconteça. O governo precisa trabalhar para recuperar receitas e não planejar cortar de quem já tem menos. E há diferentes alternativas para isso: lutar pela recuperação das perdas da Lei Kandir, extinguir o Tribunal de Justiça Militar, taxar as grandes fortunas, cobrar as dívidas dos grandes sonegadores. Vamos à luta para defender os direitos daqueles que trabalham e que são fundamentais pra prestar um serviço público de qualidade para a população!

Posted by Luciana Genro on Friday, November 22, 2019