Luciana Genro

Aula inaugural do Emancipa em Porto Alegre reforça luta por educação pública de qualidade

26 de março de 2019 10h14
Fundadora e presidente do Emancipa, Luciana Genro convidou os alunos a se somarem às lutas coletivas por mudanças. | Foto: Samir Oliveira

O cursinho pré-universitário da ONG Emancipa – Educação Popular em Porto Alegre realizou sua aula inaugural na noite desta segunda-feira (25/03). A atividade, comandada pelo coordenador Rodrigo Nickel, contou com a presença de dezenas de alunas e alunos, de professores, apoiadores financeiros e da coordenação do Emancipa.

Fundadora e presidente da ONG, a deputada estadual Luciana Genro recordou a história do cursinho, criado em 2011 na cidade e hoje espalhado por diversos municípios gaúchos. “Além de ser um cursinho, o Emancipa é um movimento de educação popular. Os problemas da educação estão relacionados aos problemas gerais do país. Por isso convidamos vocês a se somarem numa luta que é coletiva”, disse Luciana.

Desde 2011 o Emancipa já ajudou mais de 500 alunos a ingressarem na universidade em Porto Alegre. O cursinho é financiado através de doadores individuais, desde pessoas físicas a parceiros como escritórios de advocacia.

A advogada Raquel Loch, do escritório Bordaz, um dos apoiadores do Emancipa, citou o slogan da ONG para instigar os alunos a seguirem em busca de seus sonhos. “Nossa melhor arma é a educação. Nunca desistam, por mais difícil que possa ser”, conclamou.

Representando outro apoiador, o escritório Paese Ferreira & Advogados Associados, Fabiana Ferreira da Silva lembrou de Darcy Ribeiro em sua fala. “Ele dizia que a crise da educação no Brasil é um projeto. Pois o Emancipa é um instrumento de resistência ao sucateamento da educação”, disse.

O médico Marcelo de Abreu Pinto também é um dos apoiadores financeiros do Emancipa. Ele esteve presente na aula inaugural e pediu que os alunos subvertessem a lógica dominante que diz que a universidade não é um lugar para as classes populares. “Continuo colocando meu grãozinho de areia para ajudar o cursinho sempre que possível, porque vocês são as pessoas que irão construir um outro futuro. O Emancipa é muito mais do que um cursinho pré-universitário”, declarou.

Coordenador pedagógico do Emancipa, Pedro Matias provocou os alunos a transformarem as estruturas e o pensamento no Ensino Superior. “A universidade precisa muito mais de vocês do que vocês precisam da universidade. Vocês são catalisadores de um sonho. Cada um que alcança seu objetivo coloca a esperança em um amigo ou familiar”, ressaltou.

A professora Nina Becker também resgatou a trajetória do Emancipa e a luta pela valorização da universidade pública. “O nosso compromisso é fazer com que vocês não desistam desse sonho, que também é nosso”.

Aula Inaugural do Emancipa