Luciana Genro

Rodoviários pedem apoio para qualificar transporte público e condições de trabalho

01 de setembro de 2016 20h59
Diálogo sobre transporte público envolveu rodoviários de diversas empresas | Foto: Alvaro Andrade/PSOL

Diálogo sobre transporte público envolveu rodoviários da capital | Foto: Alvaro Andrade/PSOL

Em encontro com rodoviários, a candidata Luciana Genro ouviu demandas para qualificar o transporte coletivo e as condições de trabalho da categoria. A reunião aconteceu nesta quinta-feira (01/09) no comitê do da coligação “É a vez da mudança” (PSOL, PPL, PCB) e foi acompanhada pelo candidato a vereador e presidente do PSOL, Roberto Robaina.

Entre as reivindicações estava a de melhorias na infraestrutura nos pontos finais das linhas, já que os motoristas e cobradores muitas vezes não dispõem sequer de banheiro ou área de convívio nos intervalos entre viagens e jornadas. Também apontaram a insegurança como um grande problema no dia-a-dia do transporte público e solicitaram apoio da Guarda Municipal para atuar na área central durante a madrugada, onde trabalhadores e passageiros sofrem nas paradas de ônibus com o vandalismo e assaltos.

Outro tema abordado foi o arrocho promovido pelas empresas de ônibus, que vêm reduzindo a oferta de coletivos nas linhas e pressionando a tabela de horários, aumentando o estresse e reduzindo a qualidade do serviço oferecido à população. Além disso, citaram as constantes perdas salariais e as dificuldades de avançar nas negociações.

Luciana afirmou que seu governo sempre irá batalhar pelo apoio aos rodoviários, assim como já tem sido feito pela bancada do PSOL na Câmara de Vereadores. “Sempre me pautei por ter lado na luta de classes, sempre estive ao lado dos trabalhadores”. Em seguida, garantiu que a melhoria do transporte público será prioridade desde o começo do governo a partir da qualificação da Carris, que voltará a balizar o sistema. “Um dos principais enfrentamentos que farei será contra as empresas de ônibus, como já fizemos. Vamos lutar por uma tarifa justa, pela qualidade do transporte e em defesa dos rodoviários. As empresas colocam nas costas de vocês responsabilidade que é deles”, pontuou em referência ao cumprimento da tabela horária diante de um cenário com cada vez mais trânsito e menos coletivos.

A candidata ainda afirmou que os rodoviários serão convocados a participar da discussão sobre o trânsito e qualificação do transporte. “Sei que vocês nunca foram chamados para discutir o trânsito da cidade, assim como os taxistas, que nunca foram ouvidos sobre o que vivem no dia-dia. Luciana ainda afirmou que promoverá uma auditoria nas planilhas de custos das empresas e transformará a Carris em exemplo, cortando cargos de confiança e revisando os contratos com fornecedores para que a empresa deixe de ser deficitária.