Luciana Genro

“O protagonismo da juventude é essencial para mudar a política”, defende Luciana Genro em sabatina na USP

18 de setembro de 2014 23h11

Por Redação #Equipe50

Crédito: Divulgação PSOL

Crédito: Divulgação PSOL

A candidata do PSOL à Presidência da República, Luciana Genro, participou de sabatina com alunos da Universidade de São Paulo (USP) na tarde desta quarta-feira (17). Na ocasião, Luciana, que é aluna do mestrado da Faculdade de Direito, defendeu a participação dos jovens na política brasileira. “O papel da juventude é fundamental, como vimos nas mobilizações de junho de 2013. A juventude foi a força que permitiu junho. Essa força também precisa se expressar nas eleições. O protagonismo da juventude é essencial para mudar a política”, disse para uma plateia de mais de mil estudantes dentro do auditório e pelo menos 300 ouvindo do lado de fora. A sabatina, promovida pelo “Vamos Virar a USP do Avesso” – grupo que gere o DCE Livre da USP, ocorreu no auditório da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin, no campus da universidade, na zona oeste de São Paulo.

No encontro, Luciana respondeu a diversas perguntas de representantes do próprio DCE, da Adusp (Associação dos Docentes da Universidade de São Paulo), do Sintusp (Sindicato dos Trabalhadores da Universidade de São Paulo) e da plateia. Os questionamentos estiveram centrados em temas de interesse direto dos jovens, como economia, descriminalização das drogas, aborto e direitos LGBT. Sobre este último, Luciana afirmou: “Todas as formas de amor deve ser respeitadas. ”

Crédito: Divulgação PSOL

Crédito: Divulgação PSOL

O diretor do DCE e estudante de Geografia Gabriel Lindenbach chamou a atenção para a presença massiva de estudantes da instituição. “Superou as nossas expectativas. Nossa primeira sabatina foi com a representação do candidato Aécio Neves, tivemos 200 pessoas. Nunca imaginamos ter um evento tão grande como esse em meio a greve”, disse o jovem, que completou: “A Luciana tem uma identidade muito forte com as pautas que ela defende, uma identidade muito forte com a juventude. Essas são as primeiras eleições depois das manifestações de junho. É importante que a gente consiga reproduzir e dar espaço aos posicionamentos políticos que não têm abertura nas esferas mais tradicionais da mídia.”

Barbara Guimarães, estudante de Letras e também diretora do DCE, destacou o que considera uma das características marcantes da presidenciável do PSOL, a coragem. “Uma das características da Luciana, que a difere dos outros candidatos, é que ela não foge de nenhuma polêmica, de nenhum assunto. Ela não tem medo. Para a gente isso é muito importante. É fundamental que os candidatos que venham aqui mostrem suas propostas de maneira clara para que os estudantes consigam decidir seu voto nessas eleições”, disse.

O candidato a deputado federal pelo PSOL Thiago Aguiar, que faz mestrado em Sociologia na universidade, disse que acredita na participação ativa da juventude no próximo dia 5. “Em junho a participação da juventude foi muito forte. E o que vimos hoje aqui é que existe uma disposição muito forte dos jovens de transformar essa energia social numa plataforma política da mudança, e quem personifica essa plataforma é a Luciana Genro. Sou estudante da USP há alguns anos e essa sabatina foi a maior atividade com esse caráter de debate político com uma candidatura da história do DCE da USP”, afirmou. Isa Penna e Todd Tomorrow, candidatos à Assembleia Legislativa pelo PSOL também estiveram presentes.

Ao término da sabatina, centenas de estudantes ficaram até uma hora na fila para bater uma foto com a candidata do PSOL, que atendeu a todos.

Crédito: Divulgação PSOL

Crédito: Divulgação PSOL