Luciana Genro

Em Caxias do Sul, Luciana Genro propõe a ruptura com políticas de apoio ao sistema financeiro

10 de setembro de 2014 16h34

Por Redação #Equipe50

Crédito: Divulgação PSOL

Crédito: Divulgação PSOL

A candidata do PSOL à Presidência da República, Luciana Genro, dialogou nesta quarta-feira (10) com a população de Caxias do Sul, na Serra Gaúcha. Em ato às 12h na Praça João Pessoa, no bairro São Pelegrino, Luciana, acompanhada de candidatos a deputado do PSOL, apresentou propostas e realizou panfletagem com eleitores.

Entre os caxienses que conversaram com a candidata estavam alunos do Colégio São Carlos, que fica próximo da praça e saíam da aula durante o ato do PSOL. Alguns dos estudantes declararam seu primeiro voto em Luciana Genro.

Ao discursar, a presidenciável ressaltou a importância de ser coerente e ter uma posição clara justamente para valorizar as lutas da juventude. “Afirmamos com muita convicção a necessidade de se construir uma alternativa de esquerda para o Brasil, a necessidade construir um partido que tenha a coragem de dizer: ‘Nós vamos contrariar interesses’. Porque, para atender às demandas da juventude que foi às ruas no ano passado para pedir transporte público de qualidade, escola e universidade públicas de qualidade, temos que contrariar interesses. Os que dizem que vão ‘governar para todos’, que ‘somos todos amigos’, estão mentindo. Não somos iguais. Tem alguns que estão ganhando muito à custa da miséria da maioria”, disse.

Crédito: Divulgação PSOL

Crédito: Divulgação PSOL

Luciana também criticou o comprometimento das candidaturas de Dilma, Aécio e Marina com o sistema financeiro. Ela destacou que os governos nacionais do PSDB e do PT foram marcados por aumento dos lucros dos bancos, o mesmo caminho apresentado pela candidatura do PSB. “É a repetição da velha política, de fazer uma política econômica em defesa do capital financeiro. A autonomia do Banco Central proposta por Marina nada mais é que entregar a chave da política econômica para o setor financeiro, para aumentar os lucros dos bancos”, afirmou a presidenciável.

A candidata disse ainda que a indústria, um setor que gera muitos empregos em Caxias do Sul, já sofre com a financeirização da economia, pois a atual política de juros torna mais lucrativo investir no sistema financeiro que na produção, e o quadro de início de recessão na economia já ameaça os trabalhadores com perspectiva de desemprego e arrocho salarial.

À tarde, Luciana concedeu entrevistas a veículos de imprensa da cidade.

Agenda

Nesta quinta-feira (11), Luciana estará em São Paulo-SP, onde visitará ocupações de trabalhadores sem-teto, gravará entrevista no programa The Noite, de Danilo Gentili, e participará, às 21h30, de um debate virtual em que responderá perguntas de eleitores. A sabatina será transmitida em lucianagenro.com.br/aovivo