Luciana Genro

“É fundamental nos armarmos do debate político-teórico”, diz Luciana Genro em sessão de autógrafo

12 de agosto de 2014 09h10

Por Redação #Equipe50

Crédito: Divulgação PSOL

Crédito: Divulgação PSOL

A candidata do PSOL à Presidência da República, Luciana Genro, participou, na noite desta segunda-feira (11/08), do ato de lançamento da edição de 10 anos do livro “Uma visão pela esquerda – A Socialdemocracia, o Estado e o PT”, em Porto Alegre. A obra foi escrita por Roberto Robaina, candidato do PSOL ao governo do Rio Grande do Sul, e conta com prefácio de Luciana Genro.

O livro começou a ser escrito no final do primeiro turno das eleições de outubro de 2002. Trata-se de uma análise crítica sobre a degeneração política do PT, que, já naquele momento, antes mesmo da confirmação da vitória de Lula, havia dado repetidas provas de abandono de um programa político anticapitalista e de conciliação de classes.

Durante o ato de lançamento da edição de 10 anos, Luciana Genro realizou uma sessão de autógrafos do livro, acompanhada de Roberto Robaina. Em seu pronunciamento, a candidata do PSOL à Presidência ressaltou a importância do livro “Uma visão pela esquerda” para o processo de consolidação do partido.

Crédito: Divulgação PSOL

Crédito: Divulgação PSOL

“Esse livro é um pouco do acúmulo teórico que levou à construção política que é o PSOL e que se demonstrou um grande acerto”, disse Luciana. Ela alertou a militância a respeito da importância da formação teórica para a atuação política. “É fundamental nos armarmos do debate político-teórico para que a gente não cometa os mesmos erros que o PT cometeu”, afirmou.

Durante seu pronunciamento, Roberto Robaina lembrou que “o PSOL surgiu de ideias” e disse que o livro “Uma visão pela esquerda” é “uma expressão da luta política”. O candidato do PSOL ao governo do Rio Grande do Sul falou sobre as manifestações de junho de 2013 e sobre o desafio que representa a construção de um programa político que ecoe as reivindicações apresentadas nas ruas. “Um programa político é uma articulação de demandas e uma busca para que haja uma fórmula capaz de equacioná-las”, avaliou.