Luciana Genro

Luciana Genro é a primeira presidenciável a lançar plataforma de arrecadação de recursos via Internet

29 de julho de 2014 16h00

Por Redação #Equipe50

A campanha do PSOL à Presidência da República, representada pela candidatura de Luciana Genro, é a primeira das presidenciáveis a contar, a partir desta terça-feira (29/07), com uma plataforma virtual para doações. O site http://contribuir.lucianagenro.com.br entrou no ar às 16h e possibilita somente a colaboração de pessoas físicas.

Com uma previsão orçamentária que chegará a um teto de R$ 900 mil, a campanha de Luciana Genro não possui nenhum tipo de relação com as empreiteiras, os bancos e as multinacionais — o estatuto do PSOL veda o financiamento desses setores às candidaturas apresentadas pelo partido. Esses grandes conglomerados empresariais investem nas candidaturas dos partidos tradicionais e, depois, cobram a conta quando seus aliados chegam ao governo. Enquanto Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB) irão gastar centenas de milhões em suas campanhas, contando com o auxílio da construção civil e do sistema financeiro, a campanha do PSOL é diferente e está baseada na mobilização popular.

A plataforma de contribuição cidadã à candidatura de Luciana Genro fortalece uma campanha vinculada aos interesses imediatos dos eleitores. As doações podem ser feitas de forma simples e ágil, através de um pequeno cadastro no site, e o pagamento ocorre mediante cartão de crédito ou débito.

“As campanhas dos nossos adversários estão orçadas em centenas de milhões de reais pois eles tem o financiamentos dos bancos, das empreiteiras e das grandes empresas. Nós defendemos interesses opostos aos destes setores, por isso não temos estes recursos. Precisamos do financiamento daqueles que defendemos: o povo trabalhador, os jovens lutadores, os que resistem e não perdem a esperança de que nada é impossível de mudar!”, disse Luciana Genro.