Luciana Genro

Luciana Genro se reúne com lideranças do Pará

22 de abril de 2013 20h37

Por Max Costa

Durante visita a Belém para participar de seminário da Fundação Lauro Campos, a advogada e ex-deputada federal Luciana Genro conversou com dirigentes do PSOL, reuniu com lideranças sindicais e estudantis e manifestou solidariedade aos policiais militares, que encontravam-se presos em penitenciária estadual por terem postado nas redes sociais a indignação da tropa com o Comando da Polícia Militar.

fernandocarneiro2A agenda cheia de atividades de Luciana Genro começou com uma reunião com dirigentes sindicais na sede do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Federal no Estado do Pará (Sintsep). Na reunião, Luciana fez um panorama do cenário político nacional e ouviu relatos das lutas travadas pelos sindicalistas.

Além de dirigentes do Sintsep, Luciana reuniu, ainda, com diretores da Associação de Docentes da UFPA (Adufpa), do Sindicato dos Trabalhadores da Educação Pública do Pará (Sintepp), do Sindicato dos Trabalhadores das Instituições Federais de Ensino Superior (Sindtifes), da Associação dos Concursados do Pará (Asconpa) e da Associação de Defesa dos Direitos de Policiais Militares do Pará (Addmipa).

Na reunião com o presidente da Addmipa, soldado Elenylson Bravo, Luciana Genro teve conhecimento da situação de sete policiais militares do Estado do Pará, que estavam presos há cerca de um mês em uma penitenciária de segurança máxima, por terem conversado sobre a greve da categoria em Alagoas e manifestado indignação com o Comando da PM no facebook. Luciana Genro defendeu a libertação imediata dos PM’s e propôs que o PSOL faça uma campanha nacional contra a criminalização de movimentos grevistas, citando como exemplo o caso dos bombeiros do Rio de Janeiro, que foram expulsos da corporação e estão sofrendo retaliações e perseguições pelo governo Cabral.

Ainda em Belém, Luciana reuniu com o vereador Fernando Carneiro e dirigentes locais do PSOL, em que discutiram o futuro do partido e a construção de uma agenda de atividades e discussões para retomar os princípios fundacionais do PSOL. Na conversa, os dirigentes demonstraram bastante sintonia e disposição para construir um partido com influência de massas, mas com firmeza política para fazer oposição à velha direita e aos setores governistas.

A visita de Luciana Genro a Belém encerrou com uma reunião com a militância do Juntos, em que a ex-parlamentar pôde sentir a vibração da juventude internacionalista que luta por outro futuro. Os jovens parabenizaram a ex-parlamentar pela firmeza política com que trata assuntos estratégicos para o Brasil e reafirmaram a disposição em construir a candidatura de Luciana à Presidência da República, pois acreditam que a trajetória e os posicionamentos da advogada estão sintonizados com as principais lutas e demandas juvenis.