Luciana Genro

Servidores fazem ato por salário e direito de greve

10 de junho de 2010 09h07

Os deputados Ivan Valente e Luciana Genro participaram, nesta quarta-feira, 9, na Câmara, do ato de servidores do Poder Judiciário que estão em greve há mais de 30 dias por reajuste de salários da categoria. Os trabalhadores da Justiça Federal, da Justiça do Trabalho, da Justiça Eleitoral e do Ministério Público da União cortaram um bolo num dos corredores da Casa em protesto.

Os servidores também cobram o andamento do Projeto de Lei 6613/2009, que trata do plano de carreira da categoria e que está parado na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público desde dezembro, e protestaram contra o Projeto de Lei Complementar 549/2009, que congela por dez anos os salários dos servidores públicos dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário da União, do Ministério Público da União e do Tribunal de Contas da União.

Para Luciana, há um desrespeito com os servidores do Judiciário que reivindicam melhores salários e, por isso, são constrangidos para não fazerem greve. “É um cerceamento do direito de greve que não pode acontecer.” A deputada disse que seria “irônico se não fosse trágico” o fato dos trabalhadores estarem sendo perseguidos pelo próprio Judiciário a mando do Executivo, comandado por um ex-sindicalista que lutou em várias greves, o presidente Lula.

Fonte: Liderança do PSOL