Luciana Genro

Honduras: líder da resistência fala ao Congresso

14 de junho de 2010 08h15

A presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, Iriny Lopes (PT/ES), recebeu as denúncias de Juan Barahona

Por solicitação da deputada Luciana Genro, a audiência aconteceu na última semana, com as presenças dos deputados Chico Alencar (PSOL/RJ) e Domingos Dutra(PT/MA), que se comprometeram em fazer o possível para encaminhar as denúncias de violação dos direitos humanos, como também se solidarizar com o povo de Honduras pelos ataques aos direitos democráticos, e denunciar a falta de liberdades políticas naquele país. As reivindicações da oposição hondurenha, liderada por Juan Barahona, movimentos sociais e trabalhadores são:

1) Assembleia Constituinte,
2) Não-reconhecimento do atual governo pela comunidade internacional, assim como fez a Unasul,
3) Que o presidente exilado Manuel Zelaya retorne ao país com todas as garantias de segurança e integridade,
4) Que se reconheça a resistência como porta-voz das lutas do povo hondurenho,
5) Que todos os exilados retornem ao país com segurança e direitos políticos garantidos.

No último processo eleitoral, partidos de oposição se retiram do pleito por não quererem colaborar com o reconhecimento de um processo ilegal.

Texto: Pedro Fuentes