Luciana Genro

Justiça determina posse de diretor da Fepam eleito por trabalhadores

10 de setembro de 2009 10h59

O Semapi – Sindicato dos Empregados em Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas e de Fundações Estaduais do Rio Grande do Sul vai notificou a governadora Yeda Crusius na terça-feira, 8, às 16h, no Palácio Piratini, sobre decisão judicial que obriga o Estado a dar posse ao diretor eleito pelos empregados da Fepam – Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luis Roessler, Flávio Wiegand. Ele ocupará a diretoria-técnica da entidade.

A decisão da Justiça decorreu de pedido de antecipação de tutela formulado pela advogada Adriane Cordeiro Silveira em ação ordinária promovida pelo Semapi, pela Associação dos Empregados da Fepam e pelo diretor eleito. O despacho do desembargador Carlos Roberto Lofego Canibal determina a nomeação de Flávio Wiegand pela governadora no prazo máximo de cinco dias, sob as penas da lei.

Os trabalhadores da Fepam, através de Antenor Pacheco, reafirmam o caráter democrático do processo eleitoral, que é um direito da sociedade, e a inequívoca tradução da manifestação da vontade dos empregados da Fepam.