Luciana Genro

Vândalos danificam sede do PSOL em Santa Maria

27 de agosto de 2009 14h27

Nota de repúdio

Nesta quarta-feira, dia 25 de agosto de 2009, pela manhã, encontramos a sede municipal do PSOL de Santa Maria (R. Dr. Pantaleão, 74) coberta de adesivos com os dizeres ‘Governo Yeda, o Rio Grande grande de novo’.  Essa ação foi certamente realizada pelos apoiadores e cúmplices do governo que possui a pior avaliação nacional de desempenho, visto os sucessivos ataques aos serviços públicos do nosso Estado, o envolvimento no maior esquema de corrupção já estabelecido no Rio Grande do Sul e a truculência no tratamento aos movimentos sindical e social – inclusive com a morte de um sem-terra na sexta-feira passada em São Gabriel -, dentre outras mazelas. Realizamos ocorrência policial na 1ª Delegacia de Polícia, e esperamos que o ato não se repita e que nossos opositores nos enfrentem através de argumentos no embate político às claras, e não com agressões materiais e ameaças, fato que já ocorreu em 2007 na antiga sede do partido, que havia sido invadida. O PSOL reitera sua posição de oposição a este governo corrupto e truculento, e não iremos descansar enquanto esta terra improdutiva que constitui o governo estadual não seja ocupada por um governo compromissado com o povo trabalhador e pobre.


Sandra Feltrin, presidente do PSOL Santa Maria
Henrique Cignachi, secretário de Juventude do PSOL Santa Maria